Glúten e Lactose

E novamente as dietas da moda estão cada vez mais poluindo a cabeça das pessoas para terem benefício financeiro em cima disso.

O que é glúten?

Glúten
Glúten

O glúten é uma proteína que está presente em alimentos como trigo, aveia, centeio, cevada e malte. É responsável pela elasticidade da massa da farinha, o que permite sua fermentação, assim como a consistência elástica esponjosa dos pães e bolos.

O que é Lactose?

Lactose
Lactose

Lactose é um tipo de carboidrato. É o açúcar presente no leite e seus derivados. A lactose é formada por dois carboidratos menores, chamados monossacarídeos, a glicose e a galactose, sendo, portanto, um dissacarídeo.

 

 

A moda da dieta sem glúten e sem lactose começou a partir dos sintomas adquiridos pelos alérgicos a glúten(celíacos) e intolerantes a lactose quando consumiam esses alimentos como distensão abdominal e má absorção dos nutrientes.

Só que para pessoas que não possui nenhuma dessas intolerâncias, não tem o porque eliminar fonte desses nutrientes da dieta, além do mais pode ser até prejudicial, pois pode haver deficiência em algum nutriente, ex: Cálcio.

Conselho Regional de Nutrição divulgou, em 2013, um parecer oficial recomendando que a dieta com restrição de glúten deve ser feita apenas por pessoas com doença celíaca.

O mesmo se aplica à lactose, que deve ser excluída do cardápio somente daqueles que possuem intolerância a ela, pois em ambos os casos é uma questão de necessidade, e não de opção.

O que é doença Celíaca?

Doença Celíaca
Doença Celíaca

A doença celíaca é uma intolerância permanente ao glúten, caracterizada por atrofia total ou subtotal da mucosa do intestino delgado proximal e consequente má absorção de alimentos, em indivíduos geneticamente susceptíveis. O tratamento é a retirada do glúten da alimentação.

O que é Intolerância a Lactose?

Intolerância a Lactose
Intolerância a Lactose

É a incapacidade parcial ou total para digerir a lactose, ou seja diminuição ou ausência na produção da enzima Lactase. Na maioria dos mamíferos a atividade da enzima lactase diminui na parede intestinal após o desmame (Hipolactasia), provocando sintomas de intolerância à lactose.

A intensidade dos sintomas de distensão, flatulência, dor abdominal e diarreia variam, dependendo da quantidade de lactose ingerida, e aumentam com o passar da idade. A intolerância pode ser leve, moderada ou severa, e a retirada parcial ou total dos produtos lácteos dependerá do grau de intolerância.

Para evitar os prejuízos nutricionais decorrentes da exclusão total e definitiva da lactose da dieta, após exclusão inicial de lactose, geralmente é recomendada a reintrodução gradual de acordo com o a resposta sintomática de cada indivíduo. Normalmente o leite tem os piores sintomas, seguido do iogurte e depois os queijos.

Retirar o leite e o glúten da dieta NÃO EMAGRECE!

Não há evidências cientificas que comprovam que a retirada desse componentes vão favorecer a perda de peso. Emagrecer nada mais é do que ingerir menos do que gasta, ou seja, precisamos reduzir a ingestão calórica diário e/ou aumentar o nosso gasto energético através das atividades físicas, promovendo o balanço energético negativo.

O que ocorre é que quase tudo hoje, é proveniente do leite e do trigo como massas, bolos, pães, bolachas, etc. Por esse motivo, pode ocorrer uma ingesta calórica menor e consequentemente o emagrecimento, o que nada relaciona com o glúten e a lactose e sim com a ingestão menor de calorias.

A famosa Whey Protein, ou melhor lactoalbumina é a proteína com mais alto valor biológico entre as proteínas, promovendo uma excelente absorção e riquíssima em aminoácidos essenciais, ou seja , seria um grande desperdício retirar essa proteína da dieta.

Por fim, essa recomendação da retirada do glúten e da lactose é apenas para celíacos e intolerantes, indivíduos que não possui essas complicações podem consumir respeitando suas necessidades diárias.

Procure um profissional qualificado que atenderá as suas individualidades e lhe proporcionará um atendimento específico ao seu objetivo e pare de recorrer a dietas da modas ou qualquer outra propaganda que a mídia te oferece no qual não terão eficacia nenhuma além de colocar a sua saúde em risco, pois o interesse é apenas financeiro.

 

 

 

 

Referencia: @nutrimichaelalexandre93

Talvez Você Goste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *